Conhecer os diferentes tipos de plantas infestantes


Invasivas e prejudiciais, as ervas daninhas são um dos problemas mais preocupantes que todos os jardineiros enfrentam, as infestantes adaptam-se ao meio para sobreviverem e crescem em quase todos os lugares.

Invasivas e prejudiciais, as plantas infestantes são um dos maiores problemas do jardineiro. Adaptaram-se para sobreviver e prosperar em praticamente qualquer lugar. Nem mesmo os melhores cuidados de jardinagem são imunes ao aparecimento de plantas infestantes. Se um jardim não for tratado, estas plantas reproduzir-se-ão livremente.

As plantas infestantes podem ser classificadas em dois grupos principais:

Plantas infestantes anuais

Crescem a partir de uma semente e amadurecem numa estação. No fim da estação, morrem deixando uma série de sementes que germinarão na próxima estação. De crescimento rápido, conseguem produzir grandes quantidades de sementes que permanecem viáveis no solo durante vários anos. Algumas plantas anuais, como o morrião-dos-passarinhos, podem completar vários ciclos de vida por ano (ciclo de vida efémero). Convém controlá-las antes que floresçam.

Plantas infestantes perenes

Estas plantas podem viver durante muitos anos, florescendo e produzindo grandes quantidades de sementes todas as estações. Sobrevivem ao inverno armazenando alimento nas suas raízes carnudas ou rastejantes ou nos seus rizomas subterrâneos, sendo, por isso, mais difíceis de controlar do que as plantas anuais. As infestantes perenes produzem nova folhagem na primavera e geralmente morrem no inverno. O controlo das mesmas assenta na destruição ou eliminação de toda e qualquer parte de raiz ou rizoma.

Melhores práticas para o uso de herbicidas Bayer Garden

  1. Certifique-se de que selecionou a fórmula e dosagem mais adequadas ao tipo de planta infestante, à extensão e ao local de aplicação. Compre apenas a quantidade suficiente para uma estação.
  2. Aplique o herbicida em condições atmosféricas amenas, evitando que o aerossol atinja outras plantas.
  3. Os herbicidas são mais eficazes quando a planta infestante está numa fase de crescimento, normalmente entre março e setembro.
  4. Em alturas de seca, regue a zona que pretende tratar um ou dois dias antes de aplicar o herbicida. Convém não utilizar de todo os herbicidas em condições de seca, quando as plantas infestantes não estão a crescer.
  5. Mantenha as crianças e os animais afastados das zonas tratadas enquanto o produto não secar. Todos os herbicidas de jardim da Bayer estão registados para uso doméstico junto da autoridade reguladora do Reino Unido. Para obterem esse registo, têm de poder ser utilizados em locais onde possam existir crianças ou animais.
  6. No que diz respeito aos animais que comem erva (por ex., porquinhos-da-índia, coelhos e tartarugas), recomenda-se que os mantenha afastados da zona tratada até que as plantas infestantes estejam mortas e eliminadas. Alguns herbicidas podem perturbar a distribuição dos açúcares, tornando agradáveis as infestantes outrora desagradáveis ao paladar e vice-versa.
  7. Acima de tudo, elimine os produtos de forma adequada. Nunca despeje o produto no sistema de esgoto. Leia o rótulo antes de utilizar o produto e respeite escrupulosamente as instruções da Bayer.